Parelhas

APRESENTAÇÃO


Cenário perfeito para a prática das mais diversas atividades, Parelhas fica às margens do açude Boqueirão e oferece oportunidades para passear de barco, fazer caminhadas, cavalgadas, trilhas para jipeiros ou mesmo apreciar calmamente o belíssimo pôr do sol, enquanto se delicia com as tilápias das barraquinhas na beira do açude. Além da programação ao ar livre, a cidade possui um dos mais bem preservados casarios da região e também se destaca na produção mineral, principalmente turmalina, água-marinha, granada, ametista, entre outras pedras semipreciosas.

Geossítio Açude Boqueirão
Localizado a 2,5 km do centro de Parelhas, neste geossítio, formado por metaconglomerados, quartzitos e pegmatitos, estão situados atrativos geoturísticos que envolvem geoformas resultantes da atuação do intemperismo e processos erosivos pela ação das chuvas e ventos, diversidade de minerais e mirante, com destaque para: - Pedra da Princesa Encantada Segundo o imaginário popular, o relevo da parte norte da Serra das Queimadas parece o perfil de uma princesa deitada.

- Pedra do Príncipe que virou Sapo, cuja forma lembra um sapo
- Esfinge da Princesa, rocha com silhueta que lembra uma esfinge egípcia, com cabeça de gato e corpo de humano
- Diversidade Mineral, como turmalina, água-marinha, granada, ametista, feldspatos e quartzo, alguns considerados preciosos, sendo essa diversidade utilizada como matéria-prima na confecção de artesanatos e joias.
- Mirante de Parelhas, localizado no alto da Serra das Queimadas com vista para toda cidade e região, com desnível de 500 metros em relação à base da serra. No local foi construído o açude Boqueirão, com área de 1.326,68 ha e capacidade para 85.012.750 de metros cúbicos. Seu grandioso conjunto de belezas naturais tornou o açude um dos pontos turísticos mais conhecidos e visitados na região do Seridó.

Geossítio Mirador
Próximo ao Açude Boqueirão, está situado a 4 km do centro de Parelhas, sendo mais conhecido por abrigar o Sítio Arqueológico Mirador. Nele, estão presents inúmeras pinturas rupestres, classificadas como Tradição Nordeste, subtradição Seridó. As pinturas são de humanos, cervídeos, felinos e aves (emas, papagaios) sobre rochas do tipo metaconglomerados. Em pesquisas realizadas pelo Núcleo de Estudos Arqueológicos da UFPE, no início da década de 1980, foi descoberto um cemitério indígena infantil, ossos de roedores e contas de colar (de ossos e conchas), além de carvão. A datação radiocarbônica do carvão associado aos restos de enterramentos infantis foi de 9410 anos antes do presente.

Outros Destinos

Florânia

Colonizado por portugueses - com influência de italianos, holandeses e judeus – o município de Florânia possui clima extremamente agradável e fica localizado na microrregião da Serra de Santana. No...

CONHEÇA
Carnaúba dos Dantas

Faça uma pausa para apreciar a paisagem. Em Carnaúba dos Dantas, além do belíssimo – e muito bem conservado – casario, dos inúmeros sítios arqueológicos e pinturas rupestres, você tem a oportunidad...

CONHEÇA
Serra Negra do Norte

Com relevo que faz parte do Planalto da Borborema a da Chapada do Apodi, Serra Negra do Norte tem rico potencial para turismo rural e ecoturismo, com a Estação Ecológica do Seridó, área de proteção...

CONHEÇA
Caicó

Capital do Seridó, Caicó é o maior e mais antigo município da região. É reconhecido pela arquitetura colonial, pelos bordados, pela produção de bonés e também pela gastronomia, representada pela ca...

CONHEÇA